Uma descrição será feita amanhã.

Das barreiras

É difícil deixar alguém entrar quando vc passou tanto tempo expulsando quem tentasse. Difícil recolher as armas, abaixar os portões, acalmar tudo que em você grita “Perigo!”.

Leva um tempo para confiar e seguir junto depois de ter viciado a sua mente em um modus operandi que é o oposto disso. Tropeços, falhas, boicotes, medo: tá tudo ali.

Mas ali vc também pode encontrar uma mão estendida e a oferta pra um passeio acompanhado.

É preciso coragem pra aceitar essa mão. É preciso coragem pra sair do quartinho e se conectar com o que a vida tem de mais básico: imprevisibilidade.

Você tem?

I try to live alone
But lonely is so lonely alone
So human as I am
I had to give up my defences

So I smile and try to mean it
To make myself let go

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: